Engenharia prossegue com análise de solo onde PM vai construir CT

Depois do trabalho a campo, os estudantes da Engenharia Civil continuam as atividades estipuladas na parceria da Faron com a Polícia Militar de Rondônia. No mês passado, os alunos estiveram trabalhando na topografia e coleta para sondagem de solo no terreno onde será construído o Centro de Treinamento da corporação no Conesul.

Nos últimos dias, coordenados pela professora da disciplina, passaram para a fase de análise das coletas, etapa fundamental para a emissão dos laudos que, juntamente com outros trâmites, possibilitarão o início da obra. 

A coordenação do projeto da PM destacou a importância da parceria entre as instituições, uma vez que no projeto base da obra não havia recursos destinados para esses laudos e sem a realização desse trabalho a obra ficaria paralisada.

Quando pronto, o CT vai contar com estrutura de tatame, academia, piscina e pista de atletismo. O objetivo é atender todo o efetivo da região sul do Estado, que hoje soma cerca de 400 policiais. O espaço também deverá ser utilizado para a realização de projetos sócio-esportivos. A previsão é de em 2021 o CT seja inaugurado.